Cacau – Descubra seus deliciosos beneficios, usos e origem.

O cacau há muito é reverenciado como o “alimento dos deuses” devido ao seu sabor agradável com muitos benefícios à saúde. Os cacaueiros são nativos do México e da América do Sul e são cultivados principalmente na Bacia amazônica, na bacia do rio Orinoco, em Gana e nas Filipinas, bem como em outras partes do Brasil, Papua Nova Guiné, Equador, Togo e algumas ilhas do Caribe.

As sementes dos frutos do cacau, também conhecidas como vagens de cacau, são comumente torradas e moídas em pó, no entanto, os grãos de cacau também podem ser secos em baixas temperaturas e quebrados em pedaços menores comestíveis chamados de nibs.

Lista de nutrientes

O cacau é uma fonte rica em vitaminas e minerais essenciais que aumentam o bem-estar geral do corpo. De acordo com um artigo no site The Superfoods, o cacau contém:

  • Cálcio
  • Cobre
  • Fibra Alimentar
  • Flavonoides
  • Ferro
  • Magnésio
  • Ácido oleico
  • Polifenóis
  • Potássio
  • Proteína
  • Enxofre
  • Vitamina B1
  • Vitamina B2
  • Vitamina B3
  • Vitamina B5
  • Vitamina B9
  • Vitamina E
  • Zinco

Usos medicinais do cacau

O cacau é frequentemente considerado um superalimento e é mais conhecido por seus efeitos benéficos no perfil cardiovascular do corpo. Um artigo postado no site Daily Superfood Love observa que o cacau contém até 700 polifenóis e compostos anti-inflamatórios que reduzem os níveis de colesterol ruim, reduzem as taxas de pressão arterial e mitigam o endurecimento das artérias. Isso, por sua vez, melhora a circulação sanguínea e diminui as chances de derrame e outras doenças cardiovasculares.

Da mesma forma, pesquisadores do Departamento de Nutrição da Universidade da Califórnia em Davis afirmam que o cacau possui propriedades anticoagulantes que ajudam a diluir o sangue e prevenir o aparecimento de coágulos sanguíneos prejudiciais. De acordo com os especialistas, comer cacau cru pode ser tão útil quanto tomar uma aspirina por dia.

O cacau também é uma excelente fonte de flavonóides que interferem no desenvolvimento do câncer. De acordo com um estudo publicado em 2002, as antocianidinas da fruta ajudaram a reduzir a incidência de câncer de pâncreas e mama induzido quimicamente em modelos animais. Da mesma forma, uma pesquisa de 2009 mostrou que o superalimento pode diminuir as chances de desenvolver câncer e melhorar a condição daqueles que já têm a doença.

Igualmente é seu efeito para o cérebro. Tendo um suprimento abundante de quatro substâncias químicas antidepressivas – serotonina, dopamina, anandamida e feniletilamina – que promovem sentimentos positivos e aliviam a depressão. O consumo de cacau também está associado à melhora da memória e ao aumento do fluxo sanguíneo para o cérebro, reduzindo assim o risco de aparecimento da doença de Alzheimer.

O cacau também é elogiado por seus benefícios digestivos. O alto teor de fibras na fruta estimula as enzimas no intestino e facilita a digestão. A fruta também é conhecida por aumentar a sensibilidade à insulina e reduzir a sua resistência em casos de tolerância à glicose diminuída. O amplo suprimento de magnésio também regula com eficácia os níveis de açúcar no sangue no corpo.

A fruta também é conhecida por melhorar a saúde óssea, o metabolismo e a função renal. Da mesma forma, é mostrada para aliviar doenças de pele, envelhecimento prematuro, tosse e fadiga.

Sistemas beneficiados pelo cacau

A melhora da saúde do coração e a circulação sanguínea geral do corpo é um dos seus feitos mais notáveis. O cacau também é essencial para manter o cérebro, as entranhas e os rins em ótima forma. Da mesma forma, ajuda a manter ossos saudáveis, metabolismo e imunidade.

DICAS DE USO

O cacau é usado principalmente em uma variedade de sobremesas assadas, como bolos, muffins, pudins e pães. Da mesma forma, ele é um ingrediente comumente usado em bebidas como bebidas quentes, smoothies, coquetéis e refrigerantes. Os nibs de cacau também são um excelente complemento para várias receitas de saladas.

VEJA MAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *