Buffaloberry – Descubra seus benefícios, origens e usos.

Buffaloberry, traduzido literalmente como “fruta de bufalo” é um membro da família das Eleagnaceae, sendo uma planta básica nas prateleiras culinárias e medicinais dos índios americanos ao longo dos anos. Ela cresce exclusivamente na América do Norte e tem três espécies – buffaloberry russet (Shepherdia canadensis), buffaloberry de folha redonda (Shepherdia rotundifolia) e buffaloberry prata (Shepherdia argentea), de acordo com o plano de saúde e dieta dos índios americanos.

Um arbusto de buffaloberry geralmente atinge uma altura de dois a sete metros de altura, possuindo ramos castanhos recobertos por escamas prateadas e espinhos. Seus frutos são vermelhos ou amarelos brilhantes e têm um sabor ligeiramente ácido.

Com a consistência de uma passa quando seca, a acidez da buffaloberry torna-a uma boa opção para os vinicultores como um verdadeiro ingrediente. Ela cresce em uma árvore que está relacionada à família das oliveiras, encontrada principalmente no oeste da América do Norte, especialmente em reservas indígenas, uma terra na qual a maioria das outras culturas não pode viver.

Buffaloberries recebem outros nomes, como amora, fruta chaparral,  graise de boeuf, rabbitberry, silverleaf, soapberry e soopolallie.

Lista de nutrientes

  • Carotenoide
  • Fibra Alimentar
  • Licopeno
  • Metil-Licopenoato
  • Fenólico
  • Saponina
  • Vitamina C


Uma equipe da Universidade de Saskatchewan, no Canadá, atestou o perfil nutricional de frutas como buffaloberries, com pós em biociência na Universidade de Saskatoon, vice-presidente de tecnologia, Dr. Rick Green, dizendo: “Há um interesse crescente no desenvolvimento comercial de [buffaloberry, chokeberry e sea buckhorn], pois, historicamente, pensava-se que eles poderiam fornecer benefícios nutricionais e de saúde. Nossos resultados fornecem evidências de que essas frutas, de fato, possuem tais benefícios nutricionais e contêm compostos de interesse para seus atributos de saúde e bem-estar. ”

Tem tantos benefícios nutricionais que um estudo publicado no Journal of Food Science afirmou que pode ser a próxima grande superfruta.

Usos medicinais do buffaloberry

Buffaloberry tem elementos de combate ao câncer. Isso se deve ao alto teor de licopeno da fruta assim com o estudo do Journal of Food Science atesta dizendo que é “alto em comparação com tomates e outras frutas disponíveis comercialmente”.

A fruta possui propriedades anti-inflamatórias, podendo servir como tratamento para artrite, feridas, inchaço e dores corporais localizadas que afetam músculos e articulações.

Sendo igualmente uma boa pedida para a pele por poder se livrar de seus problemas de acne irritantes em um instante.

Sistemas beneficiados pelo buffaloberry


Com benefícios para o sistema respiratório, a fruto pode servir como tratamento para doenças como a tuberculose.

O Buffaloberry faz bem para o sistema digestivo, sendo confiável no tratamento de constipação, problemas estomacais e, no pior dos casos, câncer gástrico.

Já para os sistemas reprodutivos masculino e feminino, os benefícios ficam por reduzir os sintomas de doenças venéreas e alivia certos problemas ginecológicos.

No sistema imunológico, a fruta afasta os sintomas das febres.

DICAS DE USO

Os Buffaloberries têm seu uso como corante alimentar, usado também como ingrediente de sorvete por índios americanos nativos; eles fizeram sorvete batendo água, açúcar e buffaloberries juntos em uma cesta. A fruta também têm seu valor como matéria-prima para fazer pudim, doces, bolos secos, mingaus, conservas, condimentos, molhos e bebidas adoçadas.

Buffaloberries não têm efeitos tóxicos, no entanto, a ingestão excessiva deles pode causar diarreia.

VEJA MAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *